BLOG | UNAPEL

Revisão pré-safra: cuidados para o desempenho da colheitadeira

A revisão e os cuidados com os equipamentos agrícolas fazem toda a diferença para o melhor desempenho durante a operação e também reduzem contratempos no período que antecede a colheita. Por isso, a revisão pré-safra da colheitadeira é o momento de prevenir que a máquina tenha qualquer problema e deixá-la preparada para a operação. Veja mais!

 

Em fazendas que o processo produtivo conta com o emprego de máquinas agrícolas, o desempenho dos maquinários está diretamente atrelado aos cuidados, regulagens e prevenção de falhas. Afinal, é preciso que tudo esteja pronto e a máquina agrícola bem preparada antes de começar os trabalhos.

 

Na etapa de colheita, em que erros podem custar muito para o produtor rural, o cuidado com a colheitadeira deve ser redobrado. Por isso, a revisão pré-safra da colheitadeira é o momento ideal para se preparar para a etapa de colheita e isto inclui também a preparação dos equipamentos.

 

Todos esses cuidados com a colheitadeira garantem o bom desempenho final do maquinário e contribuem para uma colheita mais precisa e sem grandes perdas. Além disso, eles evitam que a máquina apresente problemas ou paradas repentinas que atrasem o processo.

 

Mas por que é importante aproveitar o momento de revisão pré-safra para fazer todos os ajustes na sua colheitadeira? Neste texto, você entenderá sobre a revisão pré-safra da colheitadeira, com detalhes sobre pontos de maior cuidado com a máquina agrícola, e como a manutenção preventiva contribui para a produtividade.

 

Por que estar atento com a revisão pré-safra da colheitadeira?

 

O processo de colheita, para muitos negócios rurais, é o momento crucial do cultivo e também em que ocorrem as maiores perdas na produção. Segundo um estudo conduzido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), 85% das perdas de grãos que ocorrem durante a colheita estão localizadas na plataforma de corte da máquina agrícola.

 

Ou seja, a falta de manutenção adequada pode resultar em muitas perdas na lavoura e, consequentemente, em uma baixa lucratividade. Por isso, é importante falar da necessidade da manutenção dos equipamentos e de como esses cuidados resultam em maior produtividade na colheita.

 

Quais os momentos para fazer a revisão na colheitadeira?

 

A manutenção da colheitadeira não segue uma receita de bolo. Na verdade, ela está relacionada com as horas trabalhadas e o modo como a máquina agrícola é empregada na fazenda. Se a colheitadeira trabalha durante muitas horas, obviamente ela precisará passar por uma revisão.

 

Outra preocupação está nos ajustes. A colheitadeira é uma máquina versátil e que pode ser aplicada em diferentes culturas, mas que precisa ser regulada especificamente para as condições de cada safra.

 

Em relação aos períodos de revisão, o produtor rural precisa se organizar e planejar bem essas inspeções, com antecedência e de acordo com a sua produção, considerando:

  • Revisão pré-safra: no período que antecede o processo de colheita, o produtor rural pode fazer a revisão da colheitadeira e de equipamentos ligados ao processo de colheita, garantindo que eles estão prontos para as operações;


Estes são dois momentos em que o gestor da propriedade rural pode se programar para fazer a manutenção de suas máquinas. Contudo, é fundamental fazer as inspeções diárias, a limpeza adequada e o planejamento preventivo das manutenções.

 

Quais pontos de atenção o produtor deve ter com a revisão pré-safra da colheitadeira?

 

À medida que o produtor rural emprega máquinas agrícolas na sua fazenda, os cuidados com o maquinário se tornam também parte desse processo. Afinal, o desempenho da máquina e, consequentemente, da produção estão associados a uma rotina de cuidados com o maquinário.

 

Além disso, o emprego do equipamento e a sua rotina de trabalho causam a depreciação de máquinas agrícolas, ocasionando redução da efetividade, bem como o comprometimento da sua vida útil.

 

Quando se fala em colheitadeira, a atenção aos detalhes é importante para não comprometer a performance da colheita. Alguns deles são:

  • Rotina de inspeção

No tópico anterior, você viu que existem épocas do ano – entressafra e pré-safra – que podem ser utilizadas como momentos estratégicos para realizar a revisão geral no maquinário, para além da colheitadeira. Mas, é preciso complementar essa ação com uma rotina de inspeção.

 

A inspeção verifica os sistemas, componentes e peças da máquina, garantindo a conformidade e o bom funcionamento. Essa rotina também auxilia a evitar anomalias ou danos que poderiam levar à interrupção da operação.

  • Pontos de lubrificação

Como você bem sabe, a colheitadeira é composta por partes móveis. Por isso, os pontos de lubrificação desses componentes precisam estar em dia para evitar danos em sua estrutura. Isso porque elas se desgastam muito rapidamente.

 

Para além das partes móveis, o motor é outro componente que precisa estar bem lubrificado e limpo.

  • Plataforma de corte

A plataforma de corte é uma das partes que têm mais contato com a cultura, já que é responsável por ceifar a planta. Por isso, é muito comum que os componentes da plataforma apresentem desgastes.

 

A melhor forma de prevenir problemas com a plataforma de corte, que desencadeiam perdas na produção, é também realizar a inspeção rigorosa e fazer a substituição dos componentes desgastados.

  • Reparo do sistema de transmissão, hidráulico e do motor

As horas trabalhadas com a colheitadeira influenciam diretamente na manutenção dos sistemas de transmissão, hidráulico e do motor. Essa indicação é feita pelo fabricante, a partir do Manual do Operador.

 

Quando se atinge as horas trabalhadas, é preciso trocar o óleo dos sistemas e também realizar a substituição dos filtros.

  • Limpeza da máquina

Toda a operação pode deixar resquícios de partículas e acúmulo de restos culturais nas máquinas agrícolas. Contudo, esses acúmulos podem provocar entupimento, contaminação e até mesmo danos às peças, causando a redução do desempenho e, consequentemente, o bom funcionamento do maquinário.

 

Por isso, é indispensável realizar a limpeza da máquina, não apenas da colheitadeira, mas de qualquer equipamento ligado ao processo produtivo.

  • Revisão pós-colheita

Os cuidados com a colheitadeira não acabam após o fim do processo de colheita, pelo contrário, é sempre bom ter atenção aos sistemas que estão mais propensos ao desgaste, como é o caso do motor e do condutor longitudinal.

 

A revisão do motor é um dos principais pontos de manutenção da colheitadeira, sendo realizada antes da colheita. Uma outra recomendação está relacionada com o condutor longitudinal, onde é interessante fazer a revisão também após a colheita. Isso ajuda a evitar que a máquina apresente algum problema na próxima safra.

 

Por que estar de olho nos períodos de revisão?

 

Os períodos de manutenção, que ocorrem entressafra e pré-safra, podem ser períodos com alta demanda de serviços de revisão. Por isso, o produtor rural precisa se programar para que não ocorram atrasos na revisão dos maquinários.

 

Com o planejamento da manutenção, o gestor da propriedade rural consegue manter o seu calendário agrícola, se programar para esse investimento e não corre o risco de não conseguir agendar o serviço.

 

Além disso, é importante que o produtor rural conte com uma assistência especializada para a revisão dos equipamentos. A assistência especializada é mais uma forma de assegurar a manutenção do equipamento, principalmente em casos em que é necessário fazer a substituição de peças ou chegar em diagnósticos completos, complexos e precisos.

 

É por isso que a Unapel, marca parceira da New Holland, tem o Plano de Manutenção, que oferece os principais serviços de revisão no maquinário, atendimento exclusivo no pós-venda e toda a especialização para fazer os reparos na sua máquina.

 

Conclusão

 

O desempenho e a qualidade das operações também estão diretamente relacionados com a revisão pré-safra da colheitadeira, bem como os cuidados que o produtor rural mantém com a máquina agrícola.

 

Como você viu no texto, a revisão pré-safra da colheitadeira é fundamental para manter a produtividade e evitar que erros possam comprometer a qualidade do produto agrícola e a lucratividade da lavoura. Por isso, é importante ter uma rotina de inspeção para determinados pontos de atenção da máquina.

 

Por último, você viu quais são os períodos de revisão e como estar de olho nesses momentos para não deixar passar essas datas. Além da importância de sempre consultar o Manual do Operador e contar com uma assistência especializada.

 

Quer ter acesso a conteúdos do agronegócio brasileiro? Então, siga a concessionária Unapel no Instagram, Facebook e YouTube, bem como no nosso Blog.

 

 

 

FONTES:

Climate Fieldview – https://blog.climatefieldview.com.br/

Revista Cultivar – https://revistacultivar.com.br/home

Mais Soja – https://maissoja.com.br/

Inovação Industrial – https://inovacaoindustrial.com.br/

Mais Artigos

Plantando o Bem na Unapel! 🌍

Nossa coordenadora de RH, Lorena Borges, lidera nosso programa de sustentabilidade, onde promovemos ações para tornar nossas cidades e local de trabalho mais sustentáveis. Estamos orgulhosamente engajados em duas iniciativas importantes: a coleta de tampinhas

Cadastre para receber nossos conteúdos

CONTATO

Rua Arlindo Gomes Branquinho, 1399
+55 38 9961-4980
contato@unapel.com.br

ST Q.1 – T. L 1.5 – Jardim Panorâmico Setor Ind. II
+55 61 9619-1130
contato@unapel.com.br

Avenida Dr. Lamartine Pinto Avelar, 1776
Loteamento Vila Chaud
+55 64 9918-8897
contato@unapel.com.br

Rua Paulo Rogerio da Silva, 521
Setor Norte
+55 61 9902-1032
contato@unapel.com.br

Olá, Como posso te ajudar?